Blog Seriös

Coronavírus

Escolas sem aulas, eventos cancelados e home office estão entre as medidas adotadas em todo o Brasil para enfrentar uma semana em que especialistas preveem um aumento nos casos de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Essas medidas estão sendo tomadas para que, evitando a circulação de pessoas, a curva de aumento de casos não tenha um pico tão íngreme e exista um controle maior pelo sistema de saúde dos doentes graves.

No Brasil, os números mostram que o país está distante de ter um número de leitos de UTI suficiente. De acordo com a Amib (Associação de Medicina Intensiva Brasileira), antes da infecção chegar ao país, a taxa de ocupação de UTIs para adultos no SUS chegava a 95%. O país tem atualmente 28 mil leitos de UTI habilitados para o SUS (Sistema Único de Saúde).

Uma boa regra que os epidemiologistas aprenderam nessa crise é a do 80/15/5. 80% das pessoas se infectarão quase sem perceber. Neste caso, a doença será tão leve que não darão mais atenção além de um ocasional paracetamol. 15% pode sofrer pneumonia e precisará de tratamento. E o 5% restante precisará ficar na unidade de tratamento intensivo (UTI) de seu hospital. 80/15/5 é o ponto para entender as medidas que o Governo está tomando. 

O problema é: no Distrito Federal a população temos um pouco mais do que  3 milhões de  pessoas, se 20% delas forem infectadas (600 mil), e delas 5% precisarem de UTI, seriam 30.000 leitos. Imaginaram o caos para o sistema de saúde?

Veja o gráfico abaixo com os possíveis cenários para a gripe:

Fonte: Folha de São Paulo

Vamos aos conceitos?

Hoje, a doença já é considerada uma pandemia, saiba a diferença entre surto, epidemia e pandemia:

Surto
É quando há o aumento repentino dos números de uma doença em uma região específica.

Epidemia
É caracterizada quando há o aumento de surtos em diversas regiões.

Pandemia
Não se caracteriza pela gravidade da doença que ela causa. O principal fator é o geográfico. Segundo a OMS, uma pandemia é a disseminação mundial de uma nova doença. O termo é utilizado quando uma epidemia – grande surto que afeta uma região – se espalha por diferentes continentes com transmissão sustentada de pessoa para pessoa.

O que é transmissão local, comunitária ou sustentada do coronavírus?

Transmissão local: São casos de pessoas que se infectaram com Covid-19, não estiveram em nenhum país com registro da doença, mas tiveram contato com outro paciente infectado, que trouxe o vírus de fora do país. Há casos assim no Brasil.
Transmissão sustentada ou comunitária: São casos de transmissão do vírus entre a população – um paciente infectado que não esteve nos países com registro da doença transmite a doença para outra pessoa, que também não viajou.

O que é o Coronavírus?

É uma família de vírus que causa síndromes respiratórias, como resfriado e pneumonia. Essa nova doença tem origem ainda incerta, mas o mais provável é que o vírus tenha vindo de animais vendidos no mercado central de Wuhan, metrópole chinesa onde o vírus foi descoberto, em dezembro de 2019.

Quais são os sintomas?

Além dos sintomas típicos da gripe – como febre, tosse, dor muscular e cansaço –, o coronavírus pode afetar o sistema respiratório da vítima, causando pneumonia e podendo matar. As pessoas mais suscetíveis às consequências graves do vírus são crianças, idosos e pessoas com problemas cardiovasculares.

Como é a transmissão?

O coronavírus é transmitido da mesma forma que uma gripe comum. Isso significa que a doença é transmitida pelo contato com secreções de pessoas contaminadas: gotículas de saliva, espirro, tosse, toque ou aperto de mão seguido de contato com boca, nariz e olhos.

Fonte: O Globo

Como se prevenir?

  1. Lavar as mãos a cada 3 horas e antes de ingerir alimentos
  2. Álcool em gel como forma complementar de higienização
  3. Tapar a boca na parte interna do braço ao espirrar e tossir
  4. Não tocar os olhos, boca e nariz se as mãos não estiverem lavadas
  5. Não compartilhe copos, pratos, talheres, toalhas e objetos de uso pessoal
  6. Evite multidões e aglomerações. Só saia de casa se muito necessário

É recomendado manter as unhas mais curtas e reduzir o uso de adornos, como anéis e pulseiras, ajuda a manter as mãos limpas por mais tempo. Quando o esmalte começa a sair é bom retirá-lo por completo, porque o craquelado vira ambiente acolhedor para microorganismos. Evite também unhas postiças e de gel.

Estou com sintomas, o que posso fazer?

A recomendação é que as pessoas infectadas fiquem isoladas e permaneçam em observação. Elas devem ficar em repouso e se hidratar. Além disso, é recomendável se medicar com analgésicos para aliviar os sintomas.

O Ministério da Saúde disponibiliza gratuitamente o aplicativo Coronavírus-SUS para celulares Android e iOS, que traz instruções de como proceder e entrar em contato com a unidade pública de saúde mais próxima.

Como funciona o diagnóstico?

Fonte: G1

O Ministério da Saúde atualiza as informações sobre a pandemia no site https://coronavirus.saude.gov.br/ Cuidado com as informações recebidas nesse período, procure em fontes seguras e siga as orientações para a prevenção!

 

Publicação feita 19/03.

Algumas informações podem se alterar, uma vez que a todo momento há uma nova descoberta sobre o assunto.

Fontes:

https://www.nexojornal.com.br/expresso/2020/03/11/O-caminho-para-desenvolver-uma-vacina-contra-o-coronav%C3%ADrus

https://www.nexojornal.com.br/expresso/2020/01/29/Por-que-o-clima-no-Brasil-dificulta-a-transmiss%C3%A3o-do-coronav%C3%ADrus

https://www.bbc.com/portuguese/geral-51842518

https://www1.folha.uol.com.br/equilibrioesaude/2020/03/grafico-mostra-a-importancia-de-desacelerar-a-disseminacao-do-coronavirus.shtml?utm_source=twitter&utm_medium=social&utm_campaign=twfolha

https://www.dw.com/pt-br/opini%C3%A3o-o-coronav%C3%ADrus-e-a-arte-do-poss%C3%ADvel/a-52794636

https://www.nexojornal.com.br/expresso/2020/03/15/Novo-coronav%C3%ADrus-quando-um-pa%C3%ADs-%C3%A9-incentivado-a-parar?utm_medium=Social&utm_campaign=Echobox&utm_source=Twitter#Echobox=1584329113

https://www.nexojornal.com.br/expresso/2020/03/06/Quais-s%C3%A3o-os-n%C3%ADveis-de-transmiss%C3%A3o-do-novo-coronav%C3%ADrus

https://g1.globo.com/bemestar/coronavirus/noticia/2020/02/27/coronavirus-veja-perguntas-e-respostas.ghtml

https://oglobo.globo.com/sociedade/coronavirus-servico/guia-visual-do-coronavirus-tire-suas-duvidas-saiba-como-prevenir-24290668

https://www.bbc.com/portuguese/geral-51742667

https://www.bbc.com/portuguese/internacional-51718755

https://piaui.folha.uol.com.br/o-ritmo-da-pandemia/